Dos 8 planetas existentes em nosso sistema solar, Urano é o sétimo se começar a contar do Sol. Ele é provavelmente, um dos planetas menos conhecidos, no entanto, ele não é nem um pouco desinteressante.

PATROCINADO

Por isso, separamos 7 fatos que comprovam quão interessante pode ser o planeta Urano.

  Confira:

1. Foi o primeiro planeta a ser descoberto com um telescópio

Foi o primeiro planeta a ser descoberto com um telescópio

Isso é algo um pouco estranho, considerando que Urano é realmente visível sem a ajuda de um telescópio, mas ele não foi reconhecido como um planeta até que no final do século XVIII, o alemão William Herschel, o observou com seu telescópio. Embora no início ele pensasse que era um cometa, a comunidade científica eventualmente, acabou aceitando-o como um outro planeta em nosso Sistema Solar.

2. Inclinação

Inclinação

Urano tem a maior inclinação dos planetas do sistema solar, então você poderia dizer que ele gira para os lados. Essa rotação anormal faz com que as estações sejam extremamente longas, cerca de 20 anos. Isto porque, a maior parte de sua órbita está quase diretamente voltada para o sol, enquanto o outro lado fica na direção oposta.

3. Duração do tempo

Duração do tempo

Sendo o sétimo planeta do nosso sistema solar, não é de se estranhar que o tempo passe de forma diferente em Urano. Seus dias duram cerca de 17 horas se comparado com a Terra. No entanto, um ano em Urano equivale a 84 anos na Terra, praticamente o tempo de vida de um humano.

PATROCINADO

4. Muitas luas

Muitas luas

Existem 27 luas em Urano para ser exato e todas têm o nome de obras de William Shakespeare e Alexander Pope. As 5 luas de Urano mais importantes são Titânia, Oberon, Umbriel, Ariel e Miranda.

5. Ele também tem anéis

Ele também tem anéis

Apesar de bastante tênue e difícil de enxergar, o planeta Urano tem 13 anéis. Eles foram descobertos quando a Voyager 2 da NASA, explorou mais próximo a Urano. Comparado com os outros planetas, estes anéis são bastante recentes e teriam se formado a cerca de 600 milhões de anos atrás.

6. Sorvete gigante

Sorvete gigante

Junto com Netuno, Urano é outro gigante de gelo em nosso Sistema Solar. Isto significa que a grande maioria dos planetas é composto por diferentes tipos de “gelo”, principalmente água, metano e amoníaco. Isso diferencia os dois gigantes de gelo dos outros dois gigantes gasosos Júpiter e Saturno.

7. Tem o seu próprio elemento químico

Tem o seu próprio elemento químico

Ou algo assim: quando, em 1789, o químico alemão Martin Heinrich Klaproth descobriu o elemento químico “urânio”, decidiu nomeá-lo em honra do novo planeta. O planeta por sua vez, é nomeado em homenagem ao deus grego do céu, Uranus.